CLDS 4G – PROJETO InteGr4r

CONTRATO LOCAL DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL DE 4ª GERAÇÃO
O CLDS é uma medida, de âmbito nacional previsto com a publicação da Portaria nº229/2018 de agosto. É gerida pelo Programa Operacional de Inclusão Social e Emprego (POISE) e tem como organismo intermédio o Instituto de Segurança Social, I.P., é financiada em 85% pelo Fundo Social Europeu e em 15% pelo Orçamento de Estado. 
O projeto CLDS Integr4r Gouveia pretende assumir-se como um impulsionador de ações e mudanças, que permitam potenciar o crescimento do território, a participação, a igualdade e a capacitação dos indivíduos, das famílias, das instituições e da própria comunidade por forma a aumentar a coesão social e a inclusão afetiva.
O CLDS 4G tem como entidade coordenadora a Casa do Povo de Vila Nova de Tazem, entidade responsável por toda a gestão operacional e financeira da medida para o concelho, e como entidades executoras a ADRUSE e o GAF.

 

Objetivos do Projeto
O projeto tem como principais objetivos aumentar os níveis de coesão social dos concelhos alvo de intervenção; concentrar a intervenção nos grupos populacionais que evidenciam fragilidades, promovendo a mudança nas pessoas que evidenciam maior vulnerabilidade; potenciar a congregação de esforços entre o setor público e o setor privado na promoção e execução de projetos que mobilizem os atores locais; fortalecer a ligação entre as intervenções a desenvolver e os diferentes instrumentos de planeamento existentes na dimensão municipal.

 

O projeto divide-se em 4 eixos, cada um com atividades especificas. 
Eixo 1 – Emprego, Formação e Qualificação – Atividades executadas pela ADRUSE e coordenadas pela Casa do Povo.
Eixo 2 – Intervenção Familiar e Parental Preventiva da Pobreza Infantil – Atividades executadas pelo GAF e coordenadas pela Casa do Povo.
Eixo 3 – Promoção do Envelhecimento Ativo – Atividades executadas e coordenadas pela Casa do Povo.
Eixo 4 – Auxílio Emergencial às Populações inseridas em Territórios Afetados por Calamidades e Capacitação e Desenvolvimento Comunitários – Atividades executadas e coordenadas pela Casa do Povo.

 

Eixo 2 – Intervenção Familiar e Parental Preventiva da Pobreza Infantil
Entidade executora Grupo Aprender em Festa
As propostas do Eixo 2, pretendem contribuir para a qualificação das famílias em situação de maior vulnerabilidade, avaliando as suas dinâmicas de risco e de proteção, para posteriormente serem propostas ações que vão ao encontro das suas necessidades e expetativas. Qualificação na parentalidade positiva e responsável, com aplicação de programas que incluam pais, da gravidez à adolescência. As abordagens recorrem a metodologias ativas e participativas e trabalham temáticas chave quando falamos da estigmatização, da desigualdade e da pobreza que comprometem a inclusão: direitos e deveres, cidadania plena, igualdade de oportunidades e participação, educação para a saúde, valorização da educação, cultura e património, literacia financeira e consumo, prevenção da violência, entre outras. Intervenção indicada no conflito intrafamiliar, nas famílias onde as dinâmicas comprometem o desenvolvimento biopsicossocial dos filhos, expondo-os a experiências adversas. Intervenção direcionada a crianças e jovens prevê ações de promoção de estilos de vida saudáveis, gestão emocional, orientação para hábitos de estudos eficazes, treino de competências empreendedoras, educação para a cidadania e igualdade, paz e direitos humanos, prevenção das formas de violência e da doença mental, proteção ambiental. Desenvolvidas numa lógica preventiva proporcionarão às crianças e jovens oportunidades de crescimento pessoal e social e a diminuição dos fatores de risco e modelos desadaptativos conducentes à pobreza. 

 

Eixo 2 – Intervenção Familiar e Parental Preventiva da Pobreza Infantil
Atividades
Atividade 8 – Parentalidade +
Esta atividade visa o desenvolvimento de processos de qualificação familiar, que propiciem informação sobre os direitos das famílias, a cidadania, o desenvolvimento de competências dos seus elementos e o aconselhamento em situação de crise.
Atividade 9 – Famílias + 
Esta atividade centra-se em estratégias direcionadas para a mediação dos conflitos familiares, em articulação com as equipas que intervêm com as famílias e/ou as suas crianças, promovendo a proteção e promoção dos direitos das crianças e jovens.
Atividade 10 – PositivaMente 
Esta atividade pretende o desenvolvimento de ações direcionadas para a mobilização de crianças e jovens, promovendo estilos de vida saudáveis e a integração na comunidade, nomeadamente através da participação nos domínios da saúde, do desporto, da cultura e da educação para uma cidadania plena.